A primeira coisa que você precisa saber é que existem várias certificações similares, e com o mesmo propósito, mas mantidas por certificadoras diferentes. As diferenças variam um pouco em relação ao conteúdo, dificuldade do teste, reconhecimento de mercado da certificação e também nos valores e critérios para certificação e renovação da certificação. Eu falerei neste post sobre as principais e mais reconhecidas certificações em Agile e Scrum do mundo, que são:

1 – Professional Scrum Master I – PSM I – Scrum.org
2 – Certified Scrum Master – CSM – Scrum Alliance
3 – Agile Scrum Foundation – ASF – EXIN
4 – Scrum Fundamentals Certified Credential – SFC – SCRUMstudy
5 – PMI Agile Certified Practitioner – PMI-ACP – Project Management Institute

1 – Professional Scrum Master I – PSM I – Scrum.org

A Professional Scrum Master I é a certificação mais conhecida da Scrum.org, a mantenedora oficial do Guia do Scrum. A PSM I é uma das certificações de entrada no Agile mais difíceis para nós brasileiros, devido ao fato de estar disponível apenas no idioma inglês e ter 80 questões de múltipla escolha para serem resolvidas no Time-Boxed de 60 minutos. Este tempo é apertado e nos dá em torno de 45 segundos para responder cada uma das questões. Para ser aprovado é preciso acertar 85% das questões, que é o equivalente a 68 acertos de 80.

Não há pré-requisitos para tirar a certificação PSM I, não sendo obrigatório fazer cursos ou ter outras certificações, o único pré-requisito é ter o conhecimento necessário e pagar a taxa do teste de certificação.

O teste é realizado pela internet, diretamente no site da Scrum.org. Em um primeiro momento você pode pensar: “ah que moleza”. Não subestime este tipo de teste, pois lembre-se que você só terá 45 segundos para responder cada questão, é pouquíssimo tempo e não dá para perguntar para alguém, consultar materiais ou colar na internet. Você sabe o conteúdo ou se colocará em uma enrascada.

O valor do teste é de $ 150,00 (doláres) e pode ser comprado e pago diretamente pelo site da Scrum.org com o seu cartão de crédito internacional. Em até 1 dia útil você receberá em seu email a autorização para realizar o teste pelo site. Outros detalhes visite a página oficial da certificação PSM I em Scrum.org PSM I Assessment.

Um detalhe que não pode ser esquecido é que a prova está em inglês e o tempo é curto. Então a primeira dica é se preparar já em inglês para se acostumar com os termos, frases e expressões que poderão aparecer também na hora do teste. Você pode ler alguns conteúdos em português caso fique como alguma dúvida com o material em inglês, a seguir tem um excelente material em português com esta finalidade.

Vamos entender como você pode se preparar, fazer o teste e colocar esta certificação no seu Curriculum:

1 – É recomendado realizar um curso oficial de Professional Scrum Master I da Scrum.org, especialmente se o seu conhecimento sobre o assunto for baixo ou médio.

2 – Leia o Scrum Guide em inglês. Este é o material oficial e origem das perguntas do teste.

3 – Leia o meu conteúdo exclusivo sobre o Framework Scrum disponibilizado em português e com ótimas dicas para refinar o seu conhecimento.

4 – Revise o Glossário do Scrum para tirar dúvidas e ter os termos chave na ponta da língua.

5 – Se houver tempo leia o livro Scrum e Agile em Projetos – Guia Completo de Fábio Cruz e responda todas as perguntas contidas no livro, e faça o simulado contido no final do livro até se sentir confortável com o conteúdo.

6 – Se houver tempo leia o livro Agile Project Management With Scrum de Ken Schwaber.

7 – Realize o simulado conhecido como Scrum Open Assessment, disponibilizado pela Scrum.org, até que o seu resultado seja 100%. Repita algumas vezes para se acostumar com o teste e ver perguntas diferentes.

8 – Realize o simulado Professional Scrum Master I (PSM I) Practice Assessment, disponibilizado pelo site thescrummaster.co.uk, para ver diferentes questões e testar seus conhecimentos. Repita algumas vezes até obter 100% de acertos.

9 – Analise o resultado dos simulados, dando atenção para as questões em que você errou, ficou na dúvida ou acertou no “chute”. Não tente decorar as respostas certas, entenda onde errou e o conceito correto por trás da resposta correta. Este entendimento correto fará toda a diferença em perguntas ligadas ao mesmo tema.

10 – PRATIQUE o máximo possível com base nos princípios e valores do manifesto ágil. Qualquer teste de certificação (e da vida real) se tornará cada vez mais fácil se você souber na prática como tudo funciona e pode dar resultado. Então, pratique em projetos reais sem moderação.

11 – Entre em contato comigo caso tenha outras dúvidas, será um prazer ajudá-lo a conquistar esta certificação.

Veja mais dicas para o momento em que estiver realizando o teste de certificação PSM I:

  • Tenha o Scrum Guide e o Glossário do Scrum em mãos, e faça marcas e anotações para chegar rápido ao conteúdo caso precise de uma consulta de última hora.
  • Não gaste muito tempo em cada questão, caso não tenha certeza marque a questão para revisar no final, e sobrando tempo volte a ela antes de encerrar o teste.
  • Caso reste tempo revise as questões, mesmo aquelas que teve certeza de responder corretamente.
  • Lembre-se que o Scrummaster é um Coach e um Líder servidor para o Time. Então, ele/ela não fala para o Time o que fazer ou não fazer, exceto quando o assunto for relacionado ao Framework Scrum.
  • Algumas questões podem ter um percentual de pegadinha quando se apegam a algumas regras do Scrum Guide, que algumas pessoas passam batido na leitura ou entendimento, tais como:
    • Os únicos participantes obrigatórios da Daily Scrum é o Time de Desenvolvimento. O Scrummaster apenas ensina o Time de Desenvolvimento a se manter no Time-Box e se tornar Auto-Organizado
    • A regra do Time-Box para os eventos delimita o tempo máximo de duração, mas não o mínimo, e também não há regras para tempos intermediários e Sprints mais curtas. Por exemplo, o máximo de tempo da Sprint Planning é de 8 horas para uma Sprint de 1 mês. Geralmente as Plannings são mais curtas para Sprints mais curtas, mas não é uma regra. Então se for investido 8 horas em uma Sprint Planning para uma Sprint de 2 semanas nenhuma regra foi infringida.
    • Na Sprint Planning os participantes obrigatórios são o Scrummaster, o Product Owner e o Time de Desenvolvimento, outros participantes podem ser convidados pelo Time de Desenvolvimento, quando necessário para fornecimento de informações e participação no refinamento dos itens do backlog que irão para a Sprint.
    • Na Daily Scrum os participantes obrigatórios são apenas o Time de Desenvolvimento, que pode convidar outros participantes se achar necessário.
    • Na Sprint Review, os participantes obrigatórios são o Product Owner, o Time de Desenvolvimento e o Scrummaster, sendo que o Product Owner pode convidar outros participantes, incluindo clientes e Stakeholders.
    • O Product Owner é o responsável por monitorar o total de trabalho restante em relação ao backlog do produto, e este monitoramento pode ser realizado a qualquer momento.
    • O Time de Desenvolvimento é o responsável por monitorar o total de trabalho restante em relação ao backlog da Sprint, e somente o Time de Desenvolvimento pode realizar mudanças no Backlog da Sprint durante a própria Sprint.

A última dica mas não menos importante é a que marquei algumas questões para revisão e não consegui revisar todas e o tempo acabou antes, mas mesmo as marcadas para revisão eu já havia respondido. O cuidado com o tempo é uma dica importante. Por isso não deixe nenhuma questão sem resposta, mesmo as que não souber ou não tiver certeza, deixe respondida e marque para revisão.

Seguindo estes passos realizei o teste de certificação PSM I da Scrum.org e obtive o seguinte resultado: Aprovado PSM I :).

2 – Certified ScrumMaster – CSM – Scrum Alliance

A Certified ScrumMaster, ou CSM, é a certificação mais conhecida da Scrum Alliance, a organização com mais profissionais certificados em Agile do planeta, com mais de 500.000, sendo a grande maioria CSM. A CSM é a certificação mais conhecida entre os brasileiros, devido ao fato de ter uma boa rede de Trainers, uma grande agenda de treinamentos oficiais pelo Brasil e um teste de certificação com dificuldade baixa (fácil).

Eu considero o CSM um teste mais fácil que o PSM I, tanto na quantidade de questões, quanto no tempo para realizar o teste e na complexidade das questões. O teste de certificação para o CSM também é pela internet e está somente em inglês, mas são apenas 35 questões para serem respondidas em um Time-Box de 30 minutos, equivalendo a 51 segundos para cada questão. Para ser aprovado é preciso acertar 69% das questões, que é um total de 24 acertos de 35.

Há dois pontos “negativos” (considerando os investimentos financeiros necessários) que os interessados na certificação CSM precisam estar cientes. O primeiro é que é necessário se habilitar para realizar o teste, e a única forma é realizar um curso preparatório e oficial da Scrum Alliance, que só pode ser realizado pelos Trainers autorizados pela Scrum Alliance (CST – Certified Scrum Trainer). Este treinamento custa aproximadamente R$ 2.100,00 (julho/2017) e tem a duração de 16 horas, geralmente aplicado em 2 dias. Após o treinamento você será credenciado e autorizado a realizar o teste pela internet, sem taxas adicionais.

O outro ponto “negativo” é que a cada 2 anos você precisa renovar a certificação, e pagar $ 100,00 (dólares) para manter a certificação, e caso passe o prazo de renovação você precisará refazer o teste novamente.

Já um ponto positivo é que a Scrum Alliance tem uma espécie de “plano de carreira” de certificações, e ao certificar-se como CSM é possível obter outras certificações interessantes como a CSP (Certified Scrum Professional) e depois a CEC (Certified Interprise Coach). Este e outros detalhes sobre a certificação visite o site oficial da CSM em Scrum Alliance.

Vamos entender como você pode se preparar, fazer o teste e colocar esta certificação no seu Curriculum:

1 – É obrigatório realizar um curso official da Scrum Alliance realizado por CST (Certified Scrum Trainer). Eu recomento o CST Heitor Roriz da Massimus, mas você procurar por outros profissionais diretamente no site da Scrum Alliance. Lembrando que não há como realizar a certificação CSM sem o curso.

É possível realizar o teste de certificação apenas com a realização do curso, mas para evitar surpresas e ficar mais preparado realize também os seguintes passos como recomendação:

2 – Leia o Scrum Guide em inglês. Este é o material oficial e origem das perguntas do teste.

3 – Leia o meu conteúdo exclusivo sobre o Framework Scrum disponibilizado em português e com ótimas dicas para refinar o seu conhecimento.

4 – Revise o Glossário do Scrum para tirar dúvidas e ter os termos chave na ponta da língua.

5 – PRATIQUE o máximo possível com base nos princípios e valores do manifesto ágil. Qualquer teste de certificação (e da vida real) se tornará cada vez mais fácil se você souber na prática como tudo funciona e pode dar resultado. Então, pratique em projetos reais sem moderação.

6 – Entre em contato comigo caso tenha outras dúvidas, será um prazer ajudá-lo a conquistar esta certificação.

As dicas que eu dei para o momento que estiver realizando o teste de certificação PSM I também valem para a CSM, então dê uma olhadinha lá.

Seguindo estes passos realizei o teste de certificação CSM da Scrum Alliance e o resultado foi: Certificado CSM :).

3 – Agile Scrum Foundation – ASF – EXIN

A Agile Scrum Foundation, ou ASF, é a certificação Ágil da certificadora EXIN. A EXIN é uma certificadora independente e tem como objetivo reconhecer e credenciar profissionais em diversas áreas de gerenciamento da informação, que se incluem a Tecnologia da Informação, Gerenciamento de Serviços, Gerenciamento de Projetos e mais recentemente o Agile entrou na lista. A ASF é menos conhecida que a PSM I e a ASF, e vem ganhando força no Brasil especialmente por ter o teste de certificação no idioma português, ter uma dificuldade media e por não ter um custo alto como certificação de entrada.

Eu considero a certificação ASF um ótimo teste com um grau de dificuldade media e com um excelente mecanismo de aplicação online. É o único que você não consegue colar ou ter ajuda durante a prova realmente, devido ao fato do teste ser 100% gravado. Para conseguir realizar o teste de certificação ASF online é preciso permitir que o Sistema da EXIN acesse sua webcan, seu microfone e a tela do seu computador. A partir disso durante todo o teste de certificação ASF a imagem da webcam, o som do microfone e tudo que estiver na tela do seu computador serão gravados e qualquer interrupção na imagem, som ou tela, qualquer olhada para o lado, ou até uma rápida queda na internet invalidarão o seu teste, e você terá que refazê-lo em outra ocasião. Caso você não queira permitir que o seu teste seja gravado ou não tenha os requisites de hardware e software necessários, você pode agendar um teste LIVE (ao vivo) onde alguém da EXIN acompanhará o seu teste individualmente.

Por outro lado, o teste de certificação ASF é o único disponibilizado em Português, com 40 questões para serem respondidas no Time-Box de 60 minutos, o equivalente a 00:01:30 (1 minute e meio) para cada questão, o que dá mais ou menos o dobro do tempo das certificações CSM e PSM I, além do português para colaborar. Para ser aprovado é preciso acertar 65% das questões, o que dá 26 acertos de 40 perguntas.

Assim como os outros testes de certificação, o ASF é aplicado de forma online pela internet e não tem pré-requisitos, e assim como o PSM I não é obrigatório realizar nenhum curso prévio. O valor do teste é de $ 155,00 (dólares) para a opção de gravar o teste para pós auditoria, ou $ 167,00 (dólares) para a opção de teste monitorado ao vivo. Depois de feito o pagamento você terá 10 dias para usar o seu voucher e realizar o teste. Outras informações sobre esta certificação visite o site oficial da ASF em EXIN.

Vamos entender como você pode se preparar, fazer o teste e colocar esta certificação no seu Curriculum:

1 – Leia o Guia de Preparação disponibilizado na página oficial da certificação ASF em EXIN.

2 – É altamente recomendado que você leia o livro Scrum e Agile em Projetos – Guia Completo de Fábio Cruz e responda todas as perguntas contidas no livro, e faça o simulado contido no final do livro até se sentir confortável com o conteúdo. Este livro tem o Selo Oficial da EXIN Brasil e é oficialmente recomendado como material de estudo para esta certificação.

3 – É recomendado realizar um curso de Scrum, especialmente se o seu conhecimento sobre o assunto for baixo ou médio. Acompanhe a minha página de treinamentos e participe.

4 – Leia o Guia do Scrum em português. Este é o material oficial e origem das perguntas do teste.

5 – Leia o meu conteúdo exclusivo sobre o Framework Scrum disponibilizado em português e com ótimas dicas para refinar o seu conhecimento.

6 – Revise o Glossário do Scrum para tirar dúvidas e ter os termos chave na ponta da língua.

7 – Se houver tempo leia o livro EXIN Agile Scrum Foundation Workbook de Nader K. Rad & Frank Turley – somente em inglês.

8 – Realize o simulado do exame, disponibilizado pela própria EXIN na página oficial da ASF, até que o seu resultado seja 100%. Repita algumas vezes.

9 – Analise o resultado dos simulados, dando atenção para as questões em que você errou, ficou na dúvida ou acertou no “chute”. Não tente decorar as respostas certas, entenda onde errou e o conceito correto por trás da resposta correta. Este entendimento correto fará toda a diferença em perguntas ligadas ao mesmo tema.

10 – PRATIQUE o máximo possível com base nos princípios e valores do manifesto ágil. Qualquer teste de certificação (e da vida real) se tornará cada vez mais fácil se você souber na prática como tudo funciona e pode dar resultado. Então, pratique em projetos reais sem moderação.

11 – Entre em contato comigo caso tenha outras dúvidas, será um prazer ajudá-lo a conquistar esta certificação.

No livro Scrum e Agile em Projetos – Guia Completo há dezenas de dicas sobre esta certificação, então não deixe de ler se você pretende se preparar para a ASF e para o Mercado de trabalho.

Seguindo estes passos realizei o teste de certificação ASF da EXIN e o resultado foi: Certificado ASF :).

4 – Scrum Fundamentals Certified Credential – SFC – SCRUMstudy

A Scrum Fundamentals Certified Credential, ou SFC, é uma das certificações da SCRUMstudy. É uma certificação de complexidade fácil, sem pré-requisitos e “gratuíta”, pois na verdade você precisa pagar $ 0,01 (um centavo de dólar) pelo PayPal. A certificação SFC é baseada no SBOK Guide, definido pela SCRUMstudy como “A Guide to the Scrum Body of Knowledge”, ou “Um Guia para o Corpo de Conhecimento do Scrum”. O SBOK Guide não é reconhecido pela comunidade Scrum e Agile como o guia oficial do Scrum, além de trazer diversos conteúdos novos, diferentes e não pertencentes ao Scrum (Scrum Guide da Scrum.org).

Eu realizer o teste de certificação SFC e realmente é um teste fácil, mas com um conteúdo diferente dos demais. Alguns conceitos, princípios e valores são trazidos como pertencentes ao Scrum, mas não fazem parte do Scrum Guide, mas sim do SBOK Guide, o que distorce os fundamentos e até geram confusão em quem está estudando e se preparando para aplicar e trabalhar com o Scrum no Mercado.

Apesar de ser fácil e “gratuíta” não recomendo esta certificação para quem está procurando Scrum, pelos motivos que citei anteriormente. No entanto, quem tiver a necessidade ou simplesmente o interesse de obtê-la as dicas estão a seguir. A prova tem 40 questões em português com 60 minutos para realização, sendo em torno de 00:01:30 (1 minuto e meio) para cada questão. O tempo é mais que o suficiente pois as questões são fáceis, apesar de algumas gerarem dúvidas e confusões por não estarem no escopo do Scrum (Scrum Guide – Scrum.org).

1 – Se cadastre no site da SCRUMstudy. Para isso será preciso ter cadastro no Paypal e pagar $ 0,01 (1 centavo de dólar). Fique de olho porque a SCRUMstudy irá gerar um débito recorrente no seu Paypal, e após o Segundo mês a cobrança será de $ 35,00 (dólares) pela assinatura da VMStudy, que é uma plataforma de educação a distância. Se não se interessar por isso, lembre-se de cancelar a cobrança recorrente em seu PayPal.

2 – Faça o download da versão ebook do SBOK Guide 2016 em português. Reserve um tempo e realize a leitura, são mais de 300 páginas.

3 – Realize o teste diretamente no site da SCRUMstudy.

OBS: A prova está em português, mas percebi palavras estranhas, que não usamos no dia-a-dia e muito menos nas comunidades de projetos, Desenvolvimento de produtos e Agile, além de frases estranhas parecendo não ter concordância. Posso estar enganado, mas pareceu tradução automática via Google Tradutor. Então, quem fizer, cuidado com possíveis erros de tradução.

Ao realizar o teste SFC fui aprovado e obtive o seguinte certificado:

5 – PMI Agile Certified Practitioner – PMI-ACP – Project Management Institute

A Agile Certified Practitioner, ou ACP, é a certificação ágil do Project Management Institute (PMI). É uma das certificações mais dificeis do Mercado e com conteúdo mais abrangente, abordando temas como Scrum, Kanban, Lean, eXtreme Programming (XP) e TDD, com diversas bibliografias recomendadas.

Não a vejo como certificação inicial ou de entrada, está mais para intermediária ou avançada, portanto tratarei dela em um futuro post onde falarei das certificações Agile intermediárias e avançadas. Enquanto isso, caso você queira mais informações sobre esta certificação e seu conteúdo visite o site oficial da certificação PMI-ACP em PMI.org, ou leia o livro do meu amigo e parceiro Vitor Massari, Gerenciamento Ágil de Projetos, que o único livro brasileiro de preparação para a certificação PMI-ACP.

Só para deixar o gostinho de quero mais, já realizei esta certificação e o resultado foi: Certificado PMI-ACP :).